Atriz vive sua primeira protagonista, na novela das 18h da Globo.

Julia Dalavia é modesta ao receber elogios sobre a atuação em “Órfãos da Terra”. Em seu primeiro papel como protagonista, ela diz que o resultado é “muito orgânico” diante do tempo em que a equipe está envolvida na produção .

“Está muito fácil pra gente esquecer da vida e acreditar que a gente está vivendo aquilo mesmo”, explica. A atriz diz que são quase 11 horas por dia gravando. O elenco também ajuda nesse sentimento de estar à vontade em cena.

“Agora eu estou vivendo mais a vida da Laila do que a minha própria.”

A atriz também vibra com a receptividade da novela pelo público. Para ela, dá para notar que a trama mexe com diferentes sentimentos de quem assiste.

Em quase dois meses no ar, a personagem da atriz já:

  • Casou com o sheik Aziz (Herson Capri) para ajudar a família a tentar salvar o irmão que ficou gravemente ferido após um bombardeio;
  • Fugiu do Líbano em uma travessia perigosa para o Brasil;
  • Conheceu, se apaixonou, ficou grávida e casou com Jamil (Renato Góes);
  • Descobriu que o pai (Marco Ricca) está tendo um caso fora do casamento.
Casamento de Jamil (Renato Góes) e Laila (Julia Dalavia) em 'Órfãos da Terra' — Foto: Raquel Cunha/Globo
Casamento de Jamil (Renato Góes) e Laila (Julia Dalavia) em ‘Órfãos da Terra’ — Foto: Raquel Cunha/Globo

No entanto, para a atriz, “até agora está tudo linear” mesmo com as dificuldades. Ela espera que a aproximação da vilã Dalila (Alice Wegmann), que passa a ser chamada de Basma quando chega ao Brasil, vai mexer na paz do casal.

Outro que pode causar instabilidade é Bruno (Rodrigo Simas). Jamil já demonstrou ciúmes e Dalavia acha que pode acontecer alguma coisa entre eles, assim como entre seu marido e Basma.

Perguntada se nada vida real já foi disputada por duas pessoas, ela nega. “Mas talvez já tenha estado em alguma situação de estar em duas histórias ao mesmo tempo”, explica.